10 de março de 2021

O que é a Letra de Crédito Imobiliário ou LCI?

Quem quer começar ou já investe em fundos imobiliários provavelmente já se deparou com o termo Letra de Crédito Imobiliário, mais conhecido pela sigla LCI. Descubra o que é LCI, qual seu papel nos investimentos e os tipos existentes no mercado financeiro.

O que é a Letra de Crédito Imobiliário?

A Letra de Crédito Imobiliário (LCI) é um produto financeiro de renda fixa, emitido e administrado por instituições autorizadas a realizar operações de crédito imobiliário.

Nessa  modalidade de investimento, há isenção de Imposto de Renda e IOF, juntamente com a proteção do Fundo Garantidor de Créditos (FGC) até o limite de R$250 mil por CPF. Ou seja, a LCI é um investimento de baixo risco, além de apresentar retorno superior à poupança.

Esses papéis estão presentes nas carteiras de empréstimos relacionados ao setor imobiliário. Dessa forma, pode-se resumir o objetivo da LCI em captar recursos para posterior aplicação em investimentos no mercado.

Bancos e outras instituições financeiras vendem esses títulos para viabilizar os empréstimos concedidos aos clientes, que podem ser usados para o financiamento de imóveis, por exemplo.

Quando se trata de fundos de investimento imobiliário, as LCIs desempenham um papel primordial, afinal, no fundo de papel, o investidor obtém lucro através do pagamento de juros de recebíveis imobiliários, tais como as Letras de Crédito Imobiliárias.

Como funcionam os investimentos em LCI

Antes de tudo, uma LCI deve ser registrada na Central de Custódia e de Liquidação Financeira de Títulos Privados (Cetip) para, então, exercer sua função junto ao mercado financeiro.

Através da venda desses papéis imobiliários, os investidores dedicam seus aportes ao crédito concedido por bancos ou outras instituições para outras pessoas e empresas. Portanto, ao investir em uma LCI, o investidor se torna o credor desses empréstimos.

Muitos buscam nessa modalidade de investimento uma opção segura e de baixo risco.

Porém sua liquidez, inferior à de outros produtos de renda fixa, assim como os prazos não favoráveis para objetivos de curto prazo, merecem atenção.

Tipos de LCI: pré, pós e mista

Com rentabilidade similar a de outros produtos de renda fixa, uma Letra de Crédito Imobiliária pode ser pré-fixada, pós-fixada ou mista. Então conclui-se que as LCIs contribuem para a diversificação da carteira, garantindo investimentos mais balanceados e maior proteção do capital em meio a cenários adversos.

Sob o mesmo ponto de vista, as LCIs são vantajosas por serem emitidas por instituições de diferentes portes e segmentos, atendendo objetivos distintos com mais facilidade. Conheça os principais tipos de LCI a seguir:

LCI pré-fixada

As letras pré-fixadas são estruturas onde a taxa de juros é definida e informada no momento da aplicação. Assim, é possível calcular exatamente quanto o investidor receberá após o vencimento da LCI.

LCI pós-fixada

No caso de uma LCI pós-fixada, o investidor toma conhecimento do indicador que funciona como referência para a remuneração futura, como a taxa CDI. Por conta das variações referentes ao indicador, é impossível prever com exatidão quanto a LCI irá render.

LCI com rentabilidade mista

As LCIs com rentabilidade mista são as letras atreladas à inflação, cuja remuneração é composta por uma parcela pré-fixada e outra pós-fixada. Logo, o papel imobiliário assegura ao investidor uma taxa de juros, somada à variação da inflação, normalmente mensurada pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) ou pelo IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado).

A escolha da melhor LCI para sua carteira irá depender dos seus objetivos. Ao escolher a preservação do poder de compra no longo prazo, as letras de rentabilidade mista são as mais atrativas. Por outro lado, se o foco é estabilidade ou amenizar riscos, os papéis pré e pós-fixados oferecem essa solução.

Qual é o prazo mínimo para investir em LCI?

O prazo mínimo para investir em LCI é determinado por regulação do Conselho Monetário Nacional (CMN), com tempo médio de 90 dias. Esse prazo de carência varia de acordo com a remuneração esperada da LCI.

Assim também deve ser observado o prazo para resgate de uma Letra de Crédito Imobiliário, por conta da baixa liquidez característica da modalidade. Há LCIs com liquidez diária, após o período mínimo de aplicação, mas também existem papéis que permitem o resgate apenas na data de vencimento, sendo assim, quando há resgate antes dessa data, a rentabilidade inicialmente prevista pode ser prejudicada.

Invista em FIIs de forma prática

Agora que você aprendeu mais sobre as LCIs, com certeza está mais preparado para investir em um FII. Afinal, é importante entender quais são os recebíveis imobiliários envolvidos em um fundo de papel.

Se você quer descobrir como investir em fundos imobiliários de maneira descomplicada e sem conflito de interesses, conte com o suporte da Mérito Investimentos.

Somos especialistas na gestão de ativos imobiliários e queremos te ajudar a encontrar o melhor investimento, proporcionando resultados positivos e consistentes como você nunca imaginou.

Voltar